Voratte | Cursos de Compras online

Qual a importância do setor de Procurement para sua organização?

Que valor o Procurement traz para a mesa? Não me refiro à necessidade de comprar bens e serviços, ou à coleção de políticas e SOPs que os regem. Quero dizer você e seus companheiros. Quão importante os líderes seniores diriam que sua equipe de compras é para a organização? 

Cada equipe de Procurement é diferente, mas todos eles caem em algum lugar em um continuum com estes suportes de livro:

  • Eles são líderes organizacionais proativos e de alto impacto … 
  • … Ou seguidores táticos reativos que agregam muito processo, mas pouco valor. 

Então, onde está sua equipe de Procurement? Mais especificamente, o que você pode fazer para construir uma visão melhor para ajudar seu time a amadurecer?

A Escala de Maturidade

Primeiro, vamos adicionar alguns pontos à nossa escala e definir quatro estágios de maturidade de aquisições:

  • Retardatário / Transacional. Essas equipes são altamente reativas e focadas em compras táticas. Eles existem para “marcar caixas” e fazer com que as partes interessadas percam obstáculos em prol da política. As equipes transacionais geralmente têm um impacto organizacional negativo líquido.
  • Serviços tradicionais / compartilhados. Conforme as equipes amadurecem, sua visão começa a se expandir. As equipes desse grupo olham além da transação e começam a avaliar o mercado. No entanto, muitas vezes estão limitados ao pensamento de três lances e uma compra. O foco está na redução de custos unitários e no gerenciamento de processos de PO mais do que qualquer outra coisa.
  • Gerenciamento Aumentado / Fornecedor. As equipes eventualmente se tornam funções pró-ativas que agregam valor, envolvendo-se em iniciativas de sourcing estratégico e focando na visibilidade de gastos e avaliação de oportunidades.
  • Gerenciamento de classe mundial / suprimentos. Nos níveis mais altos de maturidade, as equipes de Procurement ajudam a orientar o relacionamento com os fornecedores de uma forma que impulsionou a organização. Essas equipes têm um assento na mesa de tomada de decisões, ajudando os líderes seniores a moldar a direção ou a organização.

O ponto em que uma equipe chega é amplamente baseado na força de sua visão – a capacidade de definir um caminho que se alinhe com as metas organizacionais e segui-lo.

Movendo-se ao longo da escala de maturidade

Como equipes imaturas podem subir nessa escala para se tornarem de classe mundial ? Não existe uma lista de verificação que garanta que isso acontecerá (e esse tipo de pensamento é “pensamento retardado”). No entanto, há várias perguntas que o Procurement deve fazer e responder ao longo do caminho:

  • Quais métricas e relatórios estamos entregando aos líderes organizacionais? Além de gerar relatórios, precisamos garantir que estamos desenvolvendo informações que definem e ajudam a solucionar os desafios organizacionais.
  • Que ferramentas e tecnologia temos à nossa disposição para nos permitir operar com eficiência e eficácia? Não podemos gerenciar o trabalho estratégico se estivermos atolados na tática.
  • Como podemos garantir que nosso processo tenha valor? Precisamos projetar a política e o SOP de uma forma que beneficie a organização sem adicionar burocracia desnecessária à equação.
  • Como definimos nosso papel além das tarefas de compra? Precisamos entender onde e como apoiar as partes interessadas na realização de seus objetivos – isso geralmente significa ir além de ajudá-los a encontrar o melhor preço para uma compra. 

Gerenciando Complexidade e Risco com Visão

Organizações líderes estão de olho no futuro. Eles procuram maneiras de impulsionar e expandir seus produtos e serviços para acompanhar os mercados exigentes. Essa mudança geralmente resulta em uma organização mais eficiente e capaz. No entanto, o crescimento também leva à complexidade e ao risco. Todas as equipes devem aprender a gerenciar essa complexidade – ou arriscar-se a prejudicar metas organizacionais maiores. Aquisição não é diferente.

Jennifer Ulrich, do Corcentric, falará na ISM World Annual Conference em maio sobre este tópico. Sua sessão aborda como Procurement pode construir uma visão para ir além da tática. Três estudos de caso demonstram os desafios e soluções para fazer isso que vimos entre nossos clientes.

Via https://www.strategicsourceror.com/

Power BI para Compradores

Como calcular seus Savings

GESTÃO DE CONTRATOS

GESTÃO TRIBUTÁRIA PARA NEGOCIAÇÕES EM COMPRAS

GESTÃO DE SUPRIMENTOS

GESTÃO DE FORNECEDORES - SRM

GESTÃO DE COMPRAS

STRATEGIC SOURCING PRO

TÉCNICAS DA NEGOCIAÇÃO ESTRATÉGICA

ELEMENTOS DO CUSTO

STRATEGIC SOURCING Online

Artigos do Blog

Na Vorätte só pensamos em Compras

Contato

Cursos on-line ao vivo e para as empresas Curso In Company para sua equipe de compras.